Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Nem que sejam 10 cêntimos

por Nuno Costa Santos, em 12.10.15

"Nem que sejam 10 cêntimos". No dia a seguir às eleições, pela manhã, ao sair de uma das portas do Centro Comercial das Amoreiras, uma mulher muito velha, com centenas de rugas num rosto pequeno, fez-me um pedido. Esqueci-me por um momento de ser egoísta. Quando lhe passei a moedinha que recebi como troco no café, ocorreu-me: ainda mal acordei e já estou a fazer o trabalho de uma coligação na qual não pus o meu voto.

Segui pelo passeio até à produtora com a qual colaboro. E lembrei-me de ter reparado na multiplicação de festejos de alegados liberais que votaram no Governo. E pensei na minha angústia de peão à espera que o homenzinho de vermelho fique verde: um verdadeiro liberal não festeja uma vitória eleitoral. Ignora-a. Vai-se deitar cedo e começa a trabalhar às 8h da matina. Mas pronto.

 

O resto aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:18



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D