Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Isto Esta Semana Tem Andado Muito Complicado

por Nuno Costa Santos, em 08.01.14

De um momento para o outro os portugueses tornaram-se as pessoas mais ocupadas do universo. A desculpa que tenho mais ouvido nos últimos tempos é “isto esta semana tem andado muito complicado”. Quase tão boa como aquela que é usada por quem quer simplesmente zarpar mais cedo: “Tenho de ir buscar os meus filhos à escola”. Há quem não sendo nem pai nem mãe já a use. Percebo. É eficaz. Que pessoa é que tem lata para contrapor: “Ficas mais é aí quietinho e o teu filho Rigoberto vai ficar no pátio, sozinho, a chorar, debaixo de chuva, enquanto vê o pai do Martim, do Henrique e da Josefa vir buscar os seus pequeninos”? Mesmo que seja mentira – e muitas vezes será – o melhor é não arriscar. O melhor é fazer a reserva de um andar da Remax no Condomínio do Céu. Com um comentário ternamente paternalista: “Vai-te lá embora, rapaz, que a gente trata aqui do assunto!”. E o assunto é rever as vírgulas de um processo de 17892 páginas.

Mas vim à crónica para me vingar da outra, a do isto tem andado muito complicado. Que possibilidades nos restam quando o pedido de cumprimento de uma mini tarefa profissional ou a marcação de um café de vinte e dois segundos ficam barrados pela frase “isto esta semana tem andado muito complicado” - por vezes antecedida de um “sabes”? O “sabes” é um requinte que blinda qualquer refilanço. É uma forma de exigir a empatia. “Sabes, isto esta semana tem andado muito complicado”. Que quer dizer “aproveita bem o privilégio de saber que eu sou uma pessoa muito ocupada porque tens a sorte de ser meu amigo. Os outros não sabem porque não o merecem”. Fica-se sem armamento possível. 

Há lusitana gente com mais ambições que arrisca desculpas de outro alcance: “Isto este mês tem andado muito complicado”. Os neuróticos vão para um “isto este ano”. Só falta o "isto este século". Como é que se dá a volta a este argumento? Como é que se prova que - também muito nacionalmente - se consegue dar um jeito ao tempo. Não sei. Não sei mesmo. Mas vou investigar. Quando tiver um tempinho. Isto esta semana. "Deixa só passar esta fase".

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 21:05



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D