Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



São Gregório

por Nuno Costa Santos, em 16.10.15

Hoje à noite, na ilha de São Miguel, o Buster Keaton carioca vai dar o seu primeiro show em terras nacionais. Vou lá estar para ver. Depois dou notícias da viagem.

 

gregorio.jpeg

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:23

Todos

por Nuno Costa Santos, em 16.10.15

Não se chateiem tanto por causa de política. Quando a festa acabar, vamos todos, bêbados, para casa no mesmo táxi.

 
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:20

Novela

por Nuno Costa Santos, em 14.10.15

Costa já tem uma namorada nova e não quer nada com a mulher, com quem teria de coabitar durante uns anos. Mesmo que a mulher tente fazer uma plástica à última hora. É isto. E não é não é na TVI.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40

Estreia

por Nuno Costa Santos, em 13.10.15

melan2.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:02

Nem que sejam 10 cêntimos

por Nuno Costa Santos, em 12.10.15

"Nem que sejam 10 cêntimos". No dia a seguir às eleições, pela manhã, ao sair de uma das portas do Centro Comercial das Amoreiras, uma mulher muito velha, com centenas de rugas num rosto pequeno, fez-me um pedido. Esqueci-me por um momento de ser egoísta. Quando lhe passei a moedinha que recebi como troco no café, ocorreu-me: ainda mal acordei e já estou a fazer o trabalho de uma coligação na qual não pus o meu voto.

Segui pelo passeio até à produtora com a qual colaboro. E lembrei-me de ter reparado na multiplicação de festejos de alegados liberais que votaram no Governo. E pensei na minha angústia de peão à espera que o homenzinho de vermelho fique verde: um verdadeiro liberal não festeja uma vitória eleitoral. Ignora-a. Vai-se deitar cedo e começa a trabalhar às 8h da matina. Mas pronto.

 

O resto aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:18

O Currículo Sexual de Pessoa

por Nuno Costa Santos, em 05.10.15

Em entrevista ao El País, António Lobo Antunes pôs uma questão sobre Fernando Pessoa, escritor que abomina: "Pergunto-me se um homem que nunca fodeu pode ser bom escritor." O debate literário, demasiado mole, estava a precisar deste fornicativo ângulo. Andávamos ansiosos em saber o que faz Antunes quando não produz as suas ficções geniais.

Penso no assunto mas de outra maneira: como é que Pessoa, um homem que alegadamente tão pouco viveu (no sentido de se jogar, de arriscar, de sair de uma existência burocrática), compreendeu tão bem o que é a vida e escreveu sobre ela de forma tão certeira nas suas possibilidades e impossibilidades?

A resposta chega-me deste modo: porque era um génio. Por ter sido capaz de compreender além da experiência directa.

Mais aqui.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:29

Pág. 2/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D